Saiu o resultado do vestibular e eu me fudi

Desculpe a enrolação pra fazer outro texto, mas com a proximidade do vestibular eu tinha que, bom, eu não tinha nada pra fazer, estudar nem nada, mas pra que fazer dia 1 algo que se pode fazer dia 10?

Eu me fudi é uma maneira exagerada de descrever. Sou o 29° excedente, como é uma universidade particular, é certeza que eu vou entrar e mesmo que eu não entre em direito diurno, eu entro com folga no noturno.

Diria que o principal motivo por eu ter me fudido foi por causa do tema da redação. Vocês já devem ter percebido que eu tenho uma certa facilidade para escrever qualquer redação onde eu possa  ter uma opinião polêmica e sem qualquer embasamento demostrar minha opinião de modo objetiva, mas o tema foi algo que eu usaria caso eu quisesse ser um escritor de auto-ajuda. Falar sobre “querer é poder” é MUITA SACANAGEM!!!

Entretanto, isso me fez ver 2 coisas: que eu ainda não conheço nada da vida e que eu evolui com o uso da internet.

Eu estudo na mesma escola desde 2002, tenho o mesmo grupo de amigos a, no minimo, 3 anos. Nunca fiz vestibular e eu me dei conta de como minha realidade, aquilo que eu considero meu mundo, é diminuto. Ver aquele número gigante de pessoas, que estavam tentando entrar para fazer a prova como 3 mil bois tentam passar ao mesmo tempo por uma cancela. Pela primeira vez em minha vida senti a sensação de que não tinha amigos, tinha concorrentes. Naquele momento em que eu entrei naquele campus enorme sem saber para onde deveria ir, senti algo estranho, uma sensação de que naquele momento eu era livre das restrições imbecis que nos colocam nos colégios.

Interessante também que eu não estou triste ou chateado de ter ficado excedente. A 2 anos atrás eu ficaria derrubado. Quando vive em um circulo resumido a 50 pessoas, é fácil ser destacado. Minha prepotência naquela época era inimaginável. Com certeza conhecer gente como eu(que gosta de expor a sua opinião) e que eram infinitamente mais bem vividos(e talvez mais vívidos) que eu, fez com que eu me acostumasse a não ser sempre o “gênio da turma”.

Finalmente esse ano infernal está acabando. E tenho a sensação de que aquele Matheus pré-adolescente imbecil, arrogante e mimado está morrendo junto com ele. Duvido que eu um dia chegue a abandonar meu lado criança. Certas coisas nunca mudam.

Eu desejo conhecer o mundo o máximo possivel nos próximos 5 anos, visitar todos os meus amigos que estão espalhados pelo Brasil. Estou virando o adolescente/jovem Adulto futil que eu tanto julguei nos anos anteriores. Essa é mais uma fase na qual eu estou mudando. Se é para melhor ou para pior eu não sei, mas tenho certeza de que quando eu estiver triste e confuso, terei uma dose de suco gummy/tequila/whisky pra me fazer esquecer desses problemas todos.

Se a dose vier sendo segurada por uma mulher a qual eu possa ter o prazer de chamar de namorada, Melhor.

Anúncios

Um comentário sobre “Saiu o resultado do vestibular e eu me fudi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s